• Andrey Sommavilla

Disfunção da Articulação Temporomandibular (DTM)


A Disfunção Temporomandibular (DTM) é o funcionamento anormal da ATM (Articulação Temporomandibular). As causas mais comuns são: má oclusão dental, alterações posturais da coluna cervical, traumas como pancadas na região da face e do crânio; lesões por aceleração-desaceleração (whiplash/chicote cervical), frequentemente causadas em acidentes automobilísticos, bruxismo, excessiva abertura da boca, fatores emocionais como ansiedade e estresse, alterações sistêmicas (como artrite reumatóide) e alterações congênitas de estruturas faciais.


Por ser uma síndrome multifatorial, a dificuldade não está no seu diagnóstico, e sim em identificar a causa do problema.


A Osteopatia tem sido um dos métodos mais procurados pelos pacientes que buscam a melhora da DTM, mas, por se tratar de uma síndrome multifatorial, é fundamental o acompanhamento multidisciplinar entre fisioterapeutas, dentistas, psicólogos, médicos e fonoaudiólogos.

0 visualização